Motor de Arranque

O motor de arranque é responsável por converter a energia elétrica que recebe da bateria em energia mecânica para acionar o motor de combustão interna e vencer a resistência ao movimento causada pela compressão dos cilindros, o atrito (que é ainda maior quando o motor está frio).

Você já experimentou a situação embaraçosa de tentar ligar o carro, mas ele não liga? Bem, isso pode indicar que o motor de arranque falhou e não está mais funcionando.

Também conhecido como motor de partida, este componente é essencial para o funcionamento do seu veículo. É responsável por forçar o motor de combustão interna a sair de seu estado de inércia e começar o movimento.

Veja Também: Novo Honda HRV 2022

Motor de Arranque: os 5 erros mais comuns e como corrigi-los

Como ele só dá partida quando o veículo é ligado, o motor de arranque vê muito pouca atividade ao longo de sua vida útil, portanto, raramente falha. Os problemas são mais comuns quando o veículo é muito antigo.

Em qualquer caso, é importante que você observe os primeiros sinais de defeitos nesta peça e realize os trabalhos de manutenção necessários.

motor de arranque

1 – Induzido

O induzido é a parte que fica ao lado do bendix e da bobina. Ele atua como condutor da onda elétrica de maneira simples: desta forma circula e garante que os outros componentes funcionem corretamente. Sem esta peça, esta corrente pode causar problemas.

As principais causas de falha do induzido são o uso constante do motor de partida ou se o bendix gruda no volante, mas também pode ocorrer como consequência natural do desgaste. Os sinais são semelhantes ao defeito da escova, por isso é sempre importante verificar o conteúdo antes para ter certeza.

Infelizmente, se o problema estiver no induzido, é provável que o dispositivo como um todo já esteja muito danificado está danificado. É melhor fazer uma substituição completa do que arriscar o aparecimento de novos defeitos.

2 – Escovas

Pode ser que ao dar partida no veículo, o giro inicial do motor de partida se torne muito difícil, como se algo estivesse criando atrito ou prendendo as engrenagens. Se este for o caso, salvo outros sinais, há uma grande chance de você ter um problema com as escovas do motor de partida.

Como você já deve saber, as escovas são feitas de um material macio e leve para girar facilmente. No entanto, isso também significa que eles se desgastam mais rápido do que outros componentes, o que exige um pouco mais de atenção e manutenção.

Felizmente, por ser uma peça simples, o trabalho aqui tende a ser rápido e barato para substiturir. Basta verificar o status do dispositivo e confirmar se essa é a causa do problema.

3. Bendix

Também chamado de pinhão, é o componente do motor de arranque o qual transmite a rotação do volante ao motor. Comparado com as outras partes envolvidas no jogo, é a que recebe mais estresse, então é mais provável que funcione mal.

De um modo geral, o sinal mais claro de que o bendix é a parte com problemas é quando você ouve um barulho muito alto, como uma motosserra. Isso geralmente acontece quando o Bendix está preso demais ao volante ou não se encaixa adequadamente com outras peças.

Lubrificação e limpeza podem ajudar a reduzir o desgaste e prolongar a vida útil do sistema. No entanto, se já houver um defeito grave, você também deve substituí-lo.

4 – Ruídos ao ligar ou desligar

O sinal mais óbvio de que algo está errado com um carro é um barulho alto quando você liga o motor ou remove a chave da ignição. No caso do motor de arranque, o defeito é mais provável no rolamento, uma vez que não é utilizada nenhuma correia. Porém, por se tratar de um sintoma bastante abrangente, o ideal é fazer um diagnóstico mais aprofundado da peça.

Com essas informações sobre a partida, certamente ficará mais fácil realizar a manutenção correta. Fique atento aos sinais e informe-se sempre sobre as possíveis particularidades do sistema.

Deseja mais informações para melhorar o serviço de manutenção em sua oficina? Então você também verá alguns dos problemas mais comuns da embreagem e como resolvê-los.

5 – Automático de partida

O automático de partida, também chamada de chave magnética, é a parte do motor de arranque que cria o campo magnético que produz as primeiras revoluções. Em caso de mau funcionamento, o sistema provavelmente não iniciará.

Um sintoma muito claro de um automático defeituoso é quando tudo o que você pode ouvir depois de girar a chave é um clique. Isso ocorre porque o campo magnético é criado, mas não mantido, fazendo com que a peça falhe e pare.

Infelizmente a única solução é a substituição. Não há como recuperar o componente depois de iniciar esses cliques.

Similar Posts